aprendendo

Confiança significa alegria!

A raiz da nossa fé produz flor de alegria no coração

Nele, o nosso coração se alegra, pois confiamos no seu santo nome.
Salmos 33:21

Há alguns dias atrás, na reunião de senhoras da igreja, nós meditamos um pouco nesse texto de Spurgeon e eu queria compartilhar ele com vocês. Na ocasião, uma das senhoras estava em luto pela irmã, e o texto foi de grande conforto para lembrar que o Senhor é tudo que precisamos na vida e que os sofrimentos ele nos faz crescer e confiar nele e em seus atributos relacionados a nós.

O texto diz assim:

A raiz da nossa fé produz flor de alegria no coração. Talvez não nos regozijemos no inicio da vida cristã, mas isso acontecerá no devido tempo. Confiamos no Senhor quando nos encontramos em tristeza, e, no devido tempo, Ele responde a nossa confiança, de tal modo que a nossa fé se torna em regozijo e nos alegramos no Senhor. A dúvida produz inquietação, porém, com o passar do tempo, a confiança em Deus significa alegria.
A certeza expressa pelo salmista, neste versículo (Salmos 33:21), é realmente uma promessa bem firme nas mãos da confiança genuína. Oh! que o Senhor nos conceda graça para nos apropriarmos desta promessa! Se no momento não estamos nos regozijando, em breve estaremos, tão certo como o Deus de Davi é o nosso Deus.
Meditemos sobre o Santo nome de Deus, a fim de que sejamos capazes de confiar mais nEle e nos alegrarmos com mais prontidão. Em seu caráter, Deus é santo, justo, verdadeiro, gracioso, fiel e imutável. Um Deus com esses atributos não é digno de que confiemos nEle? Deus sabe de todas as coisas,é todo-poderoso e onipresente; não devemos alegremente descansar nEle? Sim, façamos isso imediatamente, sem reservas.

Jeová Jiré – Proverá;
Jeová Shalom – enviará a paz;
Jeová Tsidkenu – justificará;
Jeová Shamá – estará sempre perto; e em
Jeová Nissi – venceremos todos os inimigos.

Aqueles que conhecem o teu nome confiarão em ti; e aqueles que em ti confiam em ti se alegrarão, ó Senhor.

Que o Senhor nos ajude a cada dia nos alegrarmos nele e confiarmos nele. Que conheçamos mais o grande Eu SOU, pois nele temos tudo o que precisamos.

Até o próximo post…=]

Aprendendo do Senhor.

Leia também: Eu Sou 

 

Anúncios
aprendendo

O evangelho que nos foi entregue

people-2590997_960_720

O evangelho não é uma inversão humana. Nós devemos anunciar o que recebemos. Não é algo que alguém imaginou e começou a espalhar por ai. O evangelho é uma história com principio, meio e fim que foi entregue por Deus aos homens. Vemos o evangelho na bíblia toda; de Gênesis a Apocalipse essa história nos é contada.
O apóstolo Paulo chama atenção da igreja em Corinto, porque eles estavam duvidando de uma parte do evangelho. Eles estavam afirmando que a ressurreição de mortos era uma mentira. Eles estavam modificando o evangelho e isso é algo perigoso. Satanás quer modificar o que foi feito e com sutileza, vem colocar dúvida sobre o que a bíblia nos diz. Desde o Éden, vemos que ele modificou as palavras de Deus e isso trouxe o pecado e a queda de toda a humanidade. Ele faz isso todos os dias. Seu objetivo é distorcer a verdade e fazer o homem andar na mentira até a morte.
Paulo então mostra que o evangelho é verdadeiro e diz aos crentes daquela igreja:

 Irmãos, venho lembrar-vos o evangelho que vos anunciei, o qual recebestes e no qual ainda perseverais; por ele também sois salvos, se retiverdes a palavra tal como vo-la preguei, a menos que tenhais crido em vão. Antes de tudo, vos entreguei o que também recebi: que Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras, e que foi sepultado e ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras. E apareceu a Cefas e, depois, aos doze. Depois, foi visto por mais de quinhentos irmãos de uma só vez, dos quais a maioria sobrevive até agora; porém alguns já dormem. Depois, foi visto por Tiago, mais tarde, por todos os apóstolos e, afinal, depois de todos, foi visto também por mim, como por um nascido fora de tempo.
1 Corintios 15:1-8

A mensagem do evangelho é um evento histórico, simples, completo e confirmado pelas escrituras. Jesus, o filho de Deus, veio ao mundo, cumpriu a lei do pai, morreu injustamente na cruz pelos nossos delitos e pecados e ressuscitou ao terceiro dia. Ele foi visto depois da ressurreição pelos apóstolos, muitos irmãos e irmãs, Cefas e também por Paulo. Essa é a nossa fé e esperança. Se deixarmos de crer em qualquer parte do evangelho, nossa fé é falsa e inútil. Jesus não só morreu na cruz por nós, mas ele ressuscitou e está vivo no céu a destra de Deus. Hoje ele é nosso advogado junto ao Pai e um dia vai voltar para buscar a sua igreja.
A ressurreição de Jesus é o que nos dá vida hoje e esperança de estar com Ele. Temos que entregar essa mensagem como ela é e viver a cada dia crendo nela. Ela nos traz temor para o viver aqui e também alegria.
Como crentes, temos que andar nessa verdade, pois quando não fazemos, estamos negando o evangelho e a ressurreição do Senhor.
Não podemos permitir que essa mensagem seja modificada por qualquer pessoa que seja. Como Paulo advertiu os irmão em Gálatas (cap. 1:6-8), qualquer que pregar outro evangelho, mesmo um anjo, seja anátema (Maldito).
Que o Senhor nos ajude a vivar esse evangelho, a comunicar esse evangelho e nos alegrar nele. Que a cada dia nos lembremos que o Senhor veio ao mundo para ser o nosso Senhor e Salvador, que deu sua vida (pois só ele era digno) por nossos pecados, venceu a morte e o inferno e hoje vivo está no céu para no futuro nos receber.
Esse é o evangelho que nos foi entregue. Glória a Deus por ele!

Até o próximo post…

Aprendendo do Senhor…=]
(Sei que a páscoa já passou, mas quis trazer de forma resumida o estudo que meu marido deu no domingo na nossa igreja. Agradeço a Deus pela vida dele e por ele ter me ajudado com essa postagem.)

 

aprendendo

Mulheres que serviram

vintage-1723790_960_720

Hoje vamos ver sobre mais 2 mulheres que são exemplos pra nós, citadas nas escrituras. No primeiro post, eu falei de 4 mulheres do antigo testamento: Sara, Raabe, Rute e Abigail. Hoje vamos falar de 2 mulheres do novo testamento, que aparecem no livro de Atos. Nesse livro temos o relato do nascimento da igreja, depois que Jesus já ressuscitou e voltou ao céu. Vemos os discípulos pregando, sendo presos e mortos por amor de Cristo.  Vemos o evangelho se espalhando por muitas cidades do oriente médio pela vida do apóstolo Paulo e outros irmãos.
Nesse livro encontramos o nome de algumas mulheres e eu vou falar sobre Dorcas e Priscila. O que podemos aprender com elas?

Dorcas: 
Seu nome significa gazela (Ágil)
A bíblia conta um breve relato sobre sua vida no cap. 9 de atos (vc 36-42). Ela era uma mulher conhecida por servir ao próximo. Dorcas morava em Jope e costurava túnicas para mulheres viúvas. Ela usava seus talentos para servir aqueles que pouco tinham. Ela dava seu tempo e dinheiro para servir quem precisava. Ela foi muito amada porque demonstrou amor. Vemos que ela morre e é ressuscitada pelo apóstolo Paulo e com isso muitos creem em Jesus. Sua vida foi usada de várias formas para glória de Deus.
Aprendemos com Dorcas a não sermos egoístas e pensarmos só em nós. Aprendemos que devemos nos importar com nosso próximo e que quando servimos  as pessoas, estamos testemunhando o amor do Senhor. Olhando para o próximo, assim como Deus olhou para nós. Em Hebreus 13:16 lemos:

“Não se esqueçam de fazer o bem e de repartir com os outros o que vocês têm, pois de tais sacrifícios Deus se agrada.”

e em Colossenses 3:12:

“Portanto, como povo escolhido de Deus, santo e amado, revistam-se de profunda compaixão, bondade, humildade, mansidão e paciência.”

   Esses versículos nos mostram as atitudes que Dorcas teve e como ela pôde então agradar a Deus. A sua vida é de grande exemplo pra nós.

Priscila:
Seu nome significa antigo (Venerável)
Sua história está relatada no livro de Atos cap 18 e também encontramos seu nome em outras cartas de Paulo como 1 Corintios 16:19, Romanos 16:3, 2 Timóteo 4:19.
Priscila era esposa de Áquila e eles moravam em Corinto. Junto com seu marido ela serviu a Paulo e a igreja local. Paulo esteve durante 1 ano e meio na casa deles e juntos eles serviam no tempo. Priscila foi uma esposa que apoiou o trabalho do marido em servir a igreja e aos irmãos. Ela esteve com ele em todos os trabalhos, inclusive abrindo em sua casa um espaço para o propagação do evangelho.
Aprendemos com Priscila que o trabalho de Deus deve ser feito sem medo. Aprendemos que devemos servir com nossos maridos da maneira devida e sermos hospitaleiras. Aprendemos que devemos usar todos os nossos recursos para isso. Com ela aprendemos  a ser dedicadas no trabalho de casa, no trabalho secular (ela fazia tendas) e no trabalho da igreja. Ela é um exemplo da mulher de provérbios 31.

Queridas leitoras, essas duas mulheres foram importantes em sua época. Dorcas serviu ao próximo e Priscila fez parte da edificação da igreja do Senhor com seu marido. Nós, assim como elas, podemos fazer a diferença em nossos dias. Podemos e devemos trabalhar para servir ao nosso próximo e a ajudar na edificação das nossas igrejas sendo mulheres virtuosas, servindo ao Senhor.
Que Ele nos ajude a enxergar que tudo o que elas realizavam foi pelo poder do Espirito em suas vidas. Sem Cristo NADA podemos fazer. Que nosso desejo seja ser como essas mulheres que entregaram suas vidas para glorificar a Deus com seus testemunhos e serviços.

Até o próximo post.

Vivendo e aprendendo do Senhor…=]

 

aprendendo

Aprendendo com as mulheres da bíblia

Aprendendo com as mulheres da biblia

O enfeite delas não seja o exterior, no frisado dos cabelos, no uso de jóias de ouro, na compostura dos vestidos;
Mas o homem encoberto no coração; no incorruptível traje de um espírito manso e quieto, que é precioso diante de Deus.
Porque assim se adornavam também antigamente as santas mulheres que esperavam em Deus, e estavam sujeitas aos seus próprios maridos;
1 Pedro 3:3-5

A algum tempo estamos estudando com as senhoras na igreja sobre as mulheres da bíblia e aprendendo um pouco com suas atitudes e principalmente com sua fé. É interessante ver como elas foram mulheres comuns em seu tempo, mas que mesmo assim foram usadas por Deus para grandes feitos como ser mãe de uma grande nação, libertar a família da morte, fazer parte da genealogia do messias e evitar atos de guerra na hora da raiva.
No post de hoje eu vou citar apenas algumas delas e depois vou fazendo posts mais detalhados sobre essas e as demais mulheres que já estudamos.
Hoje nós vamos falar sobre Sara, Raabe, Rute e Abgail.

Sara: você certamente lembra da historia de Sara. Ela foi a mulher de Abraão e recebeu junto com o seu marido a promessa de ser a mãe de uma grande nação. Sara era estéril e já tinha passado da idade de ter filhos. No inicio ela duvidou e até riu dessa promessa, mas Deus trabalhou em seu coração e fez o impossível dando a ela um filho aos 90 anos.
Sara nos ensina a não duvidar das promessas de Deus e sermos submissas. Ela nos ensina que devemos esperar no Senhor e não olhar as circunstancias entre outras coisas.

Raabe: Essa mulher foi uma prostituta em sua cidade (Jerico). Ela ouviu falar do Deus de Israel e creu naquele poderoso Deus. Ela escondeu os espias em sua casa e foi salva por eles no dia da batalha. Ela não só salvou sua vida, como também anunciou o que iria acontecer para sua família e os livrou também. Eles fizeram parte do povo de Deus e ela da genealogia do Messias.
Raabe nos ensina a ser generosas e amar o nosso próximo anunciando o perigo que esta por vir. Ela foi corajosa e não temeu ser morta por esconder os espias em sua casa. A sua fé foi firme e verdadeira.

Rute: Ela se casou com um homem judeu e pode conhecer a fé daquele povo. Já viuvá, ela decidi seguir sua sogra e voltar para a nação de Israel. Ela foi agraciada por Deus com um bom marido e assim também fez parte da genealogia do Messias.
Rute nos ensina que vale apensa seguir o caminho mais difícil por nossa fé. Ela nos ensina a sermos servas dos mais velhos e cuidar do próximo. Nos ensina também a colocarmos as necessidades dos outros a frente da nossa.

Abigail: Ela era mulher de um homem mau. Ela foi usada para impedir que Davi matasse seu marido e todos os seus servos. Ela agiu rápido e com sabedoria quando viu a loucura que seu marido havia cometido em desprezar Davi e seus homens. Com a morte de seu marido, Davi a toma como esposa e parte para uma nova vida ao lado do futuro Rei.
Abigail nos ensina a agir com sabedoria, usar as palavras de modo certo, respeitar o próximo e agir a favor dos outros com coragem. Sermos humildes e confiarmos na proteção de Deus.

Eu coloquei um pouquinho do que podemos aprender com essas mulheres. Mas acredito que o mais importante é sabermos que elas eram iguais a nós. Não eram perfeitas no viver e tiveram que aprender muito para desenvolver tudo o que praticaram em suas vidas e trouxe glória a Deus. Devemos lembrar que podemos sim ser iguais a ela em fé, sabedoria, coragem, humildade, serviço. Elas foram mães e donas de casa que agiram por suas vidas e pela da sua família e foram recompensadas por Deus por confiarem nele.
Que o Senhor nos ajude a sermos mulheres que vivem amando e servindo a ele para que seu nome seja conhecido e exaltado.

Me conta qual dessas mulheres você mais gostaria de parecer?!

Até o próximo post

Aprendendo do Senhor…=]

aprendendo

É tudo dele

post 26

Essa semana eu acabei de ler o livro de Jó. Esse livro poético é maravilhoso. Ele nos ensina coisas valiosas sobre nossas vidas e sobre quem é Deus.
De uma maneira rápida, eu quero destacar 3 versículos deste livro de 42 capítulos que nos ensina muito.
O livro começa falando que Jó era um homem temente a Deus, reto, íntegro e que se desviava do mal. Então vimos que satanás queria mostrar a Deus que ele só o servia por conta de ter tudo o que tinha e então ele sofre uma provação perdendo tudo. Na hora que acontece isso Jó adora a Deus.

Então Jó se levantou, e rasgou o seu manto, e rapou a sua cabeça, e se lançou em terra, e adorou.
E disse: Nu saí do ventre de minha mãe e nu tornarei para lá; o Senhor o deu, e o Senhor o tomou: bendito seja o nome do Senhor.
Em tudo isto Jó não pecou, nem atribuiu a Deus falta alguma. Jó 1:20-22

Como Jó amava e conhecia o seu Deus. Ele havia perdido seus filhos, seus bens, tudo o que tinha e ainda assim pode louvar a Deus, reconhecendo que tudo aquilo era de Deus e que nada ele levaria dessa vida. Em tudo Jó foi capaz de louvar a Deus e como isso é difícil. Nós sempre temos a ilusão que conquistamos coisas e somos merecedores de tudo, mas a verdade é que nada é nosso. Tudo o que temos vem pela misericórdia de Deus sobre nós. Ele nós dá e ele pode nos tirar. Temos que deixar essas verdades em nosso coração para conseguir ser como Jó quando as coisas não acontecem do jeito que queremos. Nosso maior bem deve ser Cristo e nosso tesouro deve estar no céu onde o ladrão não pode roubar nem a traça comer (Mateus 6:20-21).
No mesmo livro encontramos uma afirmação de Deus sobre o assunto:

Quem primeiro me deu, para que eu haja de retribuir-lhe? Pois o que está debaixo de todos os céus é meu. Jó 41:11

Deus fala aqui que ninguém deu nada para ele para que ele tenha que devolver. Tudo o que está debaixo do céu pertence a Deus. Ele fez todas as coisas e não precisa dar nada a ninguém. Aqui nós vemos a graça de Deus sobre nós porque ele nos dá tudo o que precisamos nesta vida. Ele nos deixa desfrutar de todas as suas maravilhas. Ele é maravilhoso Senhor. Assim como Jó, nós devemos louvá-lo a cada dia por nos permitir termos o que temos.
Aprendemos com Jó que devemos louvar a Deus quando temos e quando perdemos, porque no final nada disso fará diferença na eternidade. Nossa alma é preciosa e ela deve ser o centro de nossa atenção aqui. Devemos entender que ela está torta por nascimento (Habacuque 2:4) em soberba e orgulho contra Deus e que precisa ser reconciliada com Deus através do arrependimento dos nossos pecados, a fé em Cristo na cruz pagando nossa dívida e apagando nossas ofensas e uma conversão a Deus de todo coração.
Que em todas as circunstâncias, o nome de Deus seja exaltado, honrado e louvado.

Até o próximo post…=]

Leia o post sobre reconciliação aqui

 

aprendendo

Reconciliação

post hoje

Você já brigou com alguém e precisou se reconciliar? Você já precisou da ajuda de  alguém para se reconciliar com um amigo? Eu não sei se já aconteceu com você, mas comigo sim. E se não aconteceu, deveria acontecer com você e com muitas pessoas nesse mundo.
A bíblia fala que nós precisamos nos reconciliar com alguém, você sabe quem? Com Deus. Quando nascemos, já nascemos inimigos de alguém por natureza. Você e eu nascemos de costas viradas para Deus. Nós nascemos inimigos da verdade, e odiamos tudo o que vem de Deus: sua santidade, sua justiça, suas leis, seus ensinos. Nós precisamos fazer as pazes com Deus para que ele possa ser nosso rei e salvador. Mas essa tarefa não é fácil, pois não queremos nos reconciliar. Precisamos de alguém que ajude a nos aproximar de Deus.
Uma das coisas mais lindas que a bíblia nos mostra é que esse Deus tão maravilhoso de quem nos declaramos inimigos deu seu próprio filho para que essa reconciliação acontecesse. Só o filho é capaz de nos reconciliar com o Pai. Jesus é o único amado de Deus e nele nós somos amados. Na cruz , Cristo Jesus pagou nossa dívida e nos reconciliou com Deus. Só assim podemos ter a paz com Deus o poder amar tudo o que ele é.
Vamos ver alguns dos versículos que nos mostram que Jesus é nosso mediador e nosso amigo reconciliador:

Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem. 1 Timóteo 2:5

Porque se nós, sendo inimigos, fomos reconciliados com Deus pela morte de seu Filho, muito mais, tendo sido já reconciliados, seremos salvos pela sua vida. Romanos 5:10

Isto é, Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não lhes imputando os seus pecados; e pôs em nós a palavra da reconciliação. 2 Coríntios 5:19

 E tudo isto provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Jesus Cristo, e nos deu o ministério da reconciliação; 2 Coríntios 5:18

E não somente isto, mas também nos gloriamos em Deus por nosso Senhor Jesus Cristo, pelo qual agora alcançamos a reconciliação. Romanos 5:11

A vós também, que noutro tempo éreis estranhos, e inimigos no entendimento pelas vossas obras más, agora contudo vos reconciliou. Colossenses 1:21

Uma dívida tinha que ser paga, os pecados tinham que ser perdoados e uma nova vida em Cristo tinha que acontecer para que não fôssemos mas inimigos e sim filhos e amados do Pai. Jesus fez isso na cruz e ele pode reconciliar todo aquele que crê em seu sacrifício. Deixe agora suas armas de guerra contra Deus e venha se reconciliar. Jesus é o príncipe da Paz e pode te salvar. Venha a Cristo agora. A obra é feita totalmente por ele, o que você precisa fazer e se arrepender e crer em Jesus como seu Salvador da morte eterna.
E se você já se reconciliou com Deus, viva sua vida para a glória dele. Busque a santidade, viva em temor e obediência pois ele te ama e estará sempre a seu lado te moldando e ensinando a ser mais parecido com Cristo.

É ordem do meu Rei que todo o pecador, arrependido já, confesse ao Salvador
Todo pecado seu, pois ele prometeu, dar o perdão por seu amor.
Eis a mensagem que me deu, aquele que por nós morreu:
“Reconciliai-vos já” é ordem que Ele dá, “Reconciliai-vos já com Deus”    CC. 207

 

Até o próximo post..=]

aprendendo

Mortos no mundo

blog 18   Existem vários filmes e series de zumbis em nossos dias. São aqueles que morreram por algum vírus ou doença, mas ainda andam por todo lado e se alimentam de carne humana. Mas na bíblia nós encontramos algo parecido com esses zumbis. Ela nos diz que nascemos mortos….estranho né?!!
A bíblia fala que estamos mortos em nossos delitos e pecado quando nascemos. Nascemos mortos espiritualmente. Mortos para Deus, mortos para as verdades reveladas na palavra, mortos para coisas eternas, mortos para tudo que vem do céu.
Vivemos em um mundo cheio de mortos. Mas como podemos ter vida, já que estamos mortos. Deus nos fala que mandou seu filho a esse mundo para dar vida. Jesus é o altor da vida. Assim como ele chamou lazaro do tumulo e o deu vida, ele nos chama das trevas para sua bendita e gloriosa luz. Ele morreu na cruz para nos dar vida.
O capitulo 2 de Efésios nos mostra a morte e a vida:

1 Ele vos vivificou, estando vós mortos nos vossos delitos e pecados,   
2 nos quais outrora andastes, segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos de desobediência,   
3 entre os quais todos nós também antes andávamos nos desejos da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos; e éramos por natureza filhos da ira, como também os demais.   
4 Mas Deus, sendo rico em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou,   
5 estando nós ainda mortos em nossos delitos, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos),   
6 e nos ressuscitou juntamente com ele, e com ele nos fez sentar nas regiões celestes em Cristo Jesus,   
7 para mostrar nos séculos vindouros a suprema riqueza da sua graça, pela sua bondade para conosco em Cristo Jesus.   
8 Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus;   
9 não vem das obras, para que ninguém se glorie.   
10 Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para boas obras, as quais Deus antes preparou para que andássemos nelas.   
   Quando mortos nós andamos e servimos uma natureza pecaminosa e que odeia Deus. Mas Jesus muda isso quando nos chama e nos salva. Ele nos dá vida para servi-lo e ama-lo. Ele abre nossos olhos e coração para aquilo que é verdadeiro e eterno. Só ele pode dar uma nova vida, a espiritual que é eterna e feliz.
Vivemos em um mundo onde muitos ainda não receberam essa nova vida. Mas Jesus veio para isso, para dar vida, para chamar os pecadores ao arrependimento e uma vida nova ao lado dele. Por essa graça salvadora ele já me chamou, e esta chamando muitos ainda hoje. A porta da graça esta aberta a todos que escutam esse chamado.

Que pela graça Deus, Jesus possa chamar você também que ainda esta morto espiritualmente.

Até o próximo post.. =]